sábado, 30 de outubro de 2010

ANTRAL




Vale a pena ver a aplicação que a Antral fez. Podemos, através do simulador ver os preços a pagar no destino.

http://www.antral.pt/

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Doces

“Quam bene vivas refert, non quam diu.” — Seneca
"Como assim você pode viver, não é por um longo tempo."
- Seneca




http://pickyin.blogspot.com/


Charlote de morango




urze




“Education is important, but every now and then, we know that many things that have to be learned can never be taught.”
Sergio Mora, The Contender Champion

"A educação é importante, mas de vez em quando, nós sabemos que muitas coisas que têm de ser aprendidas nunca pode ser ensinado."
Mora Sergio, O Campeão Contender



http://thequartermaster.blogspot.com/

http://2.bp.blogspot.com/_fQ13d28s1nk/TKBrMEKPl7I/AAAAAAAAAEM/qSJEyqD4eos/s1600/IMG_0957.JPG



http://howlinghogbbq.blogspot.com/

http://hyperboleandahalf.blogspot.com/

Zé Povinho



"Zé Povinho é uma personagem de crítica social, criada por Rafael Bordalo Pinheiro e adoptada como personificação nacional portuguesa.
Apareceu pela primeira vez no 5º exemplar d'A Lanterna Mágica a 12 de Junho de 1875, num desenho alusivo aos impostos, onde se representava Fontes Pereira de Melo vestido de Stº António com o "menino" D. Luís I ao colo, enquanto Serpa Pimentel (Ministro da Fazenda) sacava o dinheiro do Zé, que permanecia boquiaberto a coçar a cabeça vestido com um fato rural gasto e roto. Ao lado, o comandante da Guarda Municipal, observa de chicote na mão, para prevenir uma eventual resistência.
De calças remendadas e botas rotas, é a eterna vítima dos partidos regenerador e progressista, dando a vitória a uns ou outros em época eleitoral. Usando como expressão corporal o manguito e a mão coçando aflita a grenha farta, foi sem dúvida um trunfo na denúncia duma economia capitalista frouxa nas páginas d'A Lanterna Mágica, berço da genial criação do símbolo do povo português. O sucesso obtido foi tal que Bordalo acabou por recriar no barro, em tinteiros, cinzeiros e apitos, a figura-símbolo do povo português ao lado da inseparável Maria da Paciência, velha alfacinha alcoviteira.
Nos números seguintes, o Zé Povinho continuou a surgir de boca aberta e a não intervir, resignado perante a corrupção e a injustiça, ajoelhado pela carga dos impostos e ignorante das grandes questões. O próprio Rafael Bordalo Pinheiro diz: "O Zé Povinho olha para um lado e para o outro e... fica como sempre... na mesma".

"Mas se ele é paciente, crédulo, submisso, humilde, manso, apático, indiferente, abúlico, céptico, desconfiado, descrente e solitário, também não deixa por isso de nos aparecer, em constante contradição consigo mesmo, simultaneamente capaz de se mostrar incrédulo, revoltado, resmungão, insolente, furioso, sensível, compassivo, arisco, activo, solidário, convivente...".(João Medina in "O Zé Povinho, caricatura do «Homo Lusitanus»")



Tem como característica principal o gesto do manguito, representando a sua faceta de revolta e insolência. Tornou-se uma figura identificativa do povo português, criticando de uma forma humorística muitos dos problemas sociais e políticos da sociedade portuguesa, e caricaturando o povo português na sua característica de eterna revolta perante o abandono e esquecimento da classe política, embora pouco ou nada fazendo para alterar a situação.

"Crescido, Zé Povinho correspondeu perfeitamente às esperanças que n'elle depositaram os solicitos poderes do reino. Como desenvolvimento de cabeça elle está mais ou menos como se o tivessem desmamado hontem. De musculos, porém, de epiderme e de coiro, endureceu e calejou como se quer, e , cumprindo com brio a missão que lhe cabe, elle paga e súa satisfactoriamente. De resto, dorme, resa e dá os vivas que são precisos. Um dia virá talvez em que elle mude de figura e mude tambem de nome para, em vez de se chamar Zé Povinho, se chamar simplesmente Povo. Mas muitos impostos novos, novos emprestimos, novos tratados e novos discursos correrão na ampulheta constitucional do tempo antes que chegue esse dia tempestuoso."
"Por tudo pois, ao resumirmos n'estes leves traços, a interessante historia de Zé Povinho, o nosso parabem cordeal a seus sabios e carinhosos paes ós Publicos Poderes." (Ramalho Ortigão)



"POIS BONS-DIAS MEUS SENHORES...

Ainda não se deram bem conta da minha existência. E sou personagem importante, o meu nome é Zé Povinho. Lá mais para o fim do século hei-de ser bem representado mas quem me vai dar vida ainda não nasceu.
O país anda às voltas. Parece que não se entendem. Isto do Rei ter fugido para o Brasil veio trazer grandes complicações. Ora uns, ora outros, todos querem o poder.
Como se não bastasse a política, juntou-se-lhe uma guerra de irmãos - D. Pedro (o Liberal) , D. Miguel (o Absolutista). E o poder vai saltando de mãos durante algum tempo até que as coisas se estabilizem.
No meio cá ando eu. Lá vou observando o que se passa. Não sou político, mas vou tirando as minhas conclusões. Não é que elas valham muito agora, mas há-de chegar um dia que todos encherão a boca com o meu nome. Aguento como posso, e quando as coisas me irritam, encho-me de força. Arreda que vai tudo em frente. Não acreditam? Pois bem, eu vos conto.
Lá por volta de 1842, estava tudo mais sereno quando um camponês, vindo da Beira, faz um golpe de direita que o leva ao poder. Não, não é o tal, este chama-se Costa Cabral e é formado em Direito e o outro será em Finanças. Só que às vezes, com homens da mesma laia, a história repete-se...
A ditadura não é do meu agrado. Em 1846 vem a proibição de enterrar os mortos nas igrejas. Mais me faz desconfiar a história dos registos de propriedades. Só me faltava agora virem mandar nas nossas terras, e ao que consta querem vendê-las aos estrangeiros. Eu rebento. Pego nas forquilhas, nas enxadas, e vou em frente. Não é o governo que se vem meter agora nos meus assuntos. A revolta é geral. Depressa se espalha pelo país. Começo lá no Norte e vou descendo por aí abaixo. Chamam-lhe Maria da Fonte. Mas eu acho que sou apenas eu - o povo. Repito: o meu nome é Zé Povinho, pois então!" (Cristina Vaz)

RAFAEL BORDALO PINHEIRO

http://4.bp.blogspot.com/_okb7Rvp3FEQ/SMzyLlG3ZnI/AAAAAAAAAo8/IZPK8-j5TjQ/s1600-h/rbp_001.jpg


Desenhador, ceramista: 1846 - 1905


".... não estamos filiados em nenhum partido; se o estivéssemos, não seríamos decerto conservadores nem liberais. A nossa bandeira é a VERDADE. Não recebemos inspirações de quem quer que seja e se alguém se serve do nosso nome para oferecer serviços, que só prestamos à nossa consciência e ao nosso dever, - esse alguém é um infame impostor que mente." (O Besouro, 1878)


1846: Nasce em Lisboa
1857: Nasce o irmão Columbano
1860: Inscreve-se no Conservatório
1861: Matricula-se pela 1ª vez na Academia de Belas Artes, Lisboa
1863: Amanuense na Câmara dos Pares
1866: Casa com Elvira Almeida
1867: Nasce o seu filho Manuel Augusto
1868: 1ª Exposição no salão da Promotora; é-lhe recusada Bolsa para Roma
1870: Publica o Calcanhar de Aquiles
1871: Participação na Exposição Internacional de Madrid
1875: Cria a figura do “Zé Povinho”. Parte para o Rio de Janeiro
1876: Morre a sua Mãe
1877: Lança o Psit!!!
1878: Lança O Besouro
1879: Regressa a Lisboa. Lança o António Maria
1880: Morre o seu Pai
1885: Começa o fabrico da louça artística das Caldas da Rainha
1888: Viaja pela Europa
1900: Lança A Paródia
1905: Morre em Lisboa

via
http://www.pontoblogue.com/



http://www.dicionarioinformal.com.br/

Azulejo português




Melendez

Águas

As horas








http://lisboasos.blogspot.com/2009/04/o-98-da-duque-de-loule.html










terça-feira, 26 de outubro de 2010

EÇA

“Estamos perdidos há muito tempo...
O país perdeu a inteligência e a consciência moral.
Os costumes estão dissolvidos, as consciências em debandada.
Os caracteres corrompidos.
A prática da vida tem por única direcção a conveniência.
Não há princípio que não seja desmentido.
Não há instituição que não seja escarnecida.
Ninguém se respeita.
Não há nenhuma solidariedade entre os cidadãos.
Ninguém crê na honestidade dos homens públicos.
Alguns agiotas felizes exploram.
A classe média abate-se progressivamente na imbecilidade e na inércia.
O povo está na miséria.
Os serviços públicos são abandonados a uma rotina dormente.
O Estado é considerado na sua acção fiscal como um ladrão e tratado como um inimigo.
A certeza deste rebaixamento invadiu todas as consciências.
Diz-se por toda a parte, o país está perdido!
Algum opositor do actual governo? Não!"

(Eça de Queirós)



Um pouco de humor

http://www.alfredosabat.com/cast/frames.htm

90 Dias com Catra

90 DIAS COM CATRA from Joao Padua on Vimeo.

Sem Desculpas

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A vida, meu caro, é ilegível

A vida, meu caro, é ilegível. Acontece
e desaparece. Não há inteligência
que a descodifique: vem em linguagem-nada,
surge no corpo como surge o dia, e como
se dia e vida individual fossem materiais paralelos.
…A vida não surge em prosa
nem em poesia — e a existência não fala
inglês, apesar de tudo. A natureza dos acontecimentos
resiste às invasões matreiras da publicidade e
dos filmes. Já não é mau.

Gonçalo M. Tavares

via
http://bulimunda.wordpress.com/

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Algumas viagens

Let's look at the trailer...


http://3.bp.blogspot.com/_JdqPTQSHm5s/TKxJeXdT30I/AAAAAAAAA-U/O09EFV2pbIk/s1600/MtLx.jpg

Shakira ft. Freshlyground - Waka Waka

tck tck tck aquecimento global

http://www.youtube.com/watch?v=ccTK-ewhVNs&feature=related

http://tcktcktck.org/



http://www.youtube.com/watch?v=ypiwKi-H5JM&feature=watch_response

Terra... juntos podemos mudar as coisas.



http://www.youtube.com/watch?v=hWpGHzMJhIk&feature=watch_response

Beds Are Burning - 'TckTckTck - Time for Climate Justice' Campaign Algo para pensar...



http://www.youtube.com/watch?v=aBTZOg6l6cA&feature=player_embedded#!

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

A crise

MAPA ENVIADO AOS SINDICATOS PELO MINISTÉRIO DAS FINANÇAS




Os valores indicados como “Valor da remuneração total”
referem-se ao salário ilíquido mensal


http://www.sprc.pt/

Raul Seixas



Os Números


Meus amigos essa noite
eu tive uma alucinação
sonhei c'um monte de "número"
invadindo o meu sertão
vi tanta coincidência
que eu fiz essa canção

Falar do número um
não é preciso muito estudo
só se casa uma vez
foi um só deus que criou tudo
uma vida só se vive
só se usa um sobre-tudo

Entre dois o homem luta
por coisas diferentes
bem e mal, amor e guerra
preto e branco, bicho e gente
rico e pobre, claro e escuro
noite e dia, corpo e mente

E o quatro é importante
quatro pontos "cardeal"
quatro estações do ano
quatro pés tem o animal
quatro pernas tem a mesa
quatro dias o carnaval

Sete dias da semana
sete notas musicais
sete cores o arco-íris
das regiões divinais
e se pintar tanto o sete
eu já não aguento mais

E só de pensar no doze
eu então quase desisto
são doze os meses do ano
doze os apóstolos de Cristo
doze horas é meio dia
haja dito e haja visto

Eu falei de tanto número
talvez me esqueci de algum
mas as coisas que eu disse
não são lá muito comum
quem sober que conte outro
ou que fique sem nenhum.

Autor: Raul Seixas
Adaptação: Erisvaldo Ferreira Silva


DICAS
http://desbaguncando.blogspot.com/

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Molho de Tomate

Molho de Tomate

• 1 kg de tomates maduros,
• 2 cebolas grandes,
• 2 dentes de alho
• salsa,
• manjericão,
• tomilho e louro,
• 1 colher de sopa de azeite
• 1 colher de chá de açúcar
• sal e pimenta.

Meter as mãos na massa

Descasque os tomates, depois de ligeiramente cozidos e depois corte-os ao meio e semeá-los. Em seguida, corte-os em cubos pequenos.

Descasque as cebolas e corte-as em cubos. Descasque os dentes de alho, divida-os ao meio e retire as sementes.

Coloque o azeite em uma panela ao fogo, junte o tomate, cebola, alho, salsa e manjericão picado, tomilho desfeito, louro, sal, açúcar e pimenta.

Deixar ferver até engrossar, mexendo regularmente e transforme em puré para obter um molho de tomate.

Sugestão

Este molho de tomate vai manter-se bem no congelador em recipientes hermeticamente fechados. Se você preferir pequenas porções, pode congelar em formas de gelo. Uma vez endurecido, desenforme os cubos sua argamassa e colocado em sacos plásticos.

Quais são os benefícios desta receita

Descubra o valor nutricional dos tomates.
De verde para vermelho, o amarelo e laranja, formas e tamanhos, tomate clareia as prateleiras do nosso verão mercados.

Crua ou cozida, em saladas ou tomates recheados podem ser cozinhados de várias maneiras para o deleite de jovens e velhos. Embora o verão está chegando ao fim, ainda há tempo para desfrutar de suas melodias férias, bem como seus muitos benefícios!

Origens do tomate

O tomate é nativo da região noroeste da América do Sul (Colômbia, Equador, Peru, norte do Chile), onde ainda existem formas selvagens. Os espanhóis descobriram que durante a sua conquista e, como todas as plantas de origem americana descobriu, nesse momento, a introdução na Europa do tomate começou, portanto, pela Espanha no século XVI.


Fruta da família das solanáceas, era muito suspeita de toxicidade até o século XVIII, foi também utilizado como planta ornamental. Anteriormente chamado de "maçã do amor" e "maçã dourada", ele primeiro ganhou a confiança dos italianos que particularmente valorizado este fruto que lhes permitiu cozinhar molhos e coberturas satisfazer as suas muitas variedades de massas. É, finalmente, no início do século XX que foi mais generalizado.

Cultura
Devido ao cultivo generalizado em estufas, há agora os tomates todos os anos embora a sua época de produção é, naturalmente, entre maio e outubro. O tomate é uma planta de clima temperado quente. Sua temperatura ideal de crescimento é entre 15 ° C (noite) e 25 ° C (dia). Temperaturas abaixo de 10 ° C durante a floração de deformação dos frutos e causar a morte das plantas. Seu período de crescimento é longo o suficiente: é preciso até cinco a seis meses entre o plantio ea primeira colheita.


Do amarelo ao vermelho, através de tomate verde vem em uma infinidade de variedades. Entre eles, os mais conhecidos são:



• tomates cluster, delicioso e saboroso
• Redonda, lisa e firme
• nervuras tomates como coração de boi, carne e rústico
• O alongados, como o azeite,
• tomates cereja cocktail e aperitivos verão Allied perfumadas.
Frutas consumidas como um vegetal, o tomate é o ingrediente dos alimentos mais consumidos no mundo, depois da batata. Em 2003, o francês usou um pouco mais de 13 kg por pessoa.

Nas prateleiras, pegue o tomate firme, pele lisa e cor uniforme. Você vai manter-se bem à temperatura ambiente em um cesto de frutas ou em um prato. Não coloque a geladeira, que os faz perder o seu sabor, mas permite manter facilmente uma dúzia de dias. Comer o tomate depois de lavá-las e retiraram seus talos. Se você quiser descascá-los, vamos empalidecem por 30 a 60 segundos em água fervente e refrescar com água fria e, em seguida, você pode facilmente remover a pele.

Surto de salmonelose


No final da Primavera passada, os EUA foram atingidos por um surto de salmonelose relacionados ao consumo de tomates crus. Mais de 1 000 casos de salmonelose têm sido relatados em os EUA, mas nenhum caso foi lamentável, no Canadá.

Tentando entender a origem deste surto, a Food and Drug Administration (FDA) formulou a hipótese de um choque térmico sofrido pela tomates recém colhido. Resfriamento muito rápido entre colheita e lavagem dos frutos significaria que o coração ainda quente de tomate faz retrair a pele em contato com o frio. Tomates responder então literalmente sugar a água através da cicatriz peduncular quando removido. Enterobacteriaceae penetrar apenas essas cicatrizes nos tomates e multiplicar, se não forem consumidos imediatamente.

Esta é, obviamente, não para evitar lavar os tomates, mas não a água muito fria!

Interesse Nutricional


O tomate faz parte de uma dieta de alimentos ricos em água (cerca de 95%) e baixa em calorias (15 calorias por 100 gramas).

Para cada 100 gramas de tomate [1] 0,8 gramas de proteína
2,8 gramas de carboidratos
0,1 gramas de gordura
1,2 gramas de fibra
Calorias 15 calorias

Se estiver com pouca energia, é muito bom pois ele é dotado de minerais e vitaminas. É uma excelente fonte de vitamina C (18 miligramas por 100 gramas) e pró-vitamina A ou caroteno e vitamina E. Também é rica em minerais e oligoelementos, particularmente potássio (226 miligramas por 100 gramas), que contribui para o bom funcionamento do rim.

As fibras do tomate, concentrado principalmente na pele e sementes, são cerca de 1,2 gramas por 100 gramas.

Terapêuticas


Se você prefere um aperitivo ou como suco, não hesite em comer tomate na refeição cedo para aproveitar as suas virtudes e sabor apetitoso. Seu sabor amargo estimula as secreções digestivas de facto e, portanto, se prepara para a boa assimilação dos alimentos.

Além disso, esteja ciente de que o interesse do tomate na prevenção do câncer é hoje reconhecida. O licopeno, carotenóide antioxidante da família, que dá ao tomate sua cor vermelha, tem efeitos para baixar o colesterol e anti-inflamatórios, bem como a capacidade de prevenir a proliferação de certos tipos de câncer de células, incluindo a próstata e de pulmão .

Note, porém, que o teor de licopeno e biodisponibilidade variam significativamente entre os tomates frescos e produtos, o processo de transformação de tomate melhorando drasticamente a sua absorção pelo organismo. Seria, portanto, consumir 3-13 vezes mais do que suco de tomate fresco ou tomate para aumentar de forma equivalente os níveis sanguíneos de licopeno.

O antioxidante do tomate mais orgânico


De acordo com os resultados de um estudo da Califórnia [2], Tomate, da agricultura biológica seria mais rico em flavonóides antioxidantes do que as cultivadas de forma convencional.

Para chegar a esta conclusão, os pesquisadores compararam durante um período de dez anos, os níveis de dois flavonóides (quercetina e kaempferol) tomates secos a partir de culturas orgânicas e convencionais. Os resultados falam por si: os tomates da agricultura biológica contêm cerca de 80% de quercetina e kaempferol mais de 97% mais do que as cultivadas de forma convencional.

Contra-indicações


Pessoas alérgicas ao látex podem apresentar hipersensibilidade ao tomate que podem causar diversas manifestações de urticária com reações anafiláticas.

Além disso, é recomendado para pessoas que sofrem de prestar atenção gástrica ou esofágica para o seu consumo de tomate ou suco de tomate que poderia agravar a dor.


Se formos à cozinha!


Delicie o seu filho com uma porção de sopa e reviver as suas memórias de férias com um guisado saboroso feito de um molho de tomate que você pode manter durante todo o ano.


Fonte
http://www.bambin-nature.com/

Physalis






http://www.bambin-nature.com/Coulis-de-tomate.html

"Construindo as grandes catedrais"



http://www.youtube.com/watch?v=EGAumT8aNkk&feature=player_embedded#!






http://www.youtube.com/watch?v=6LOyxEnWUyE&feature=related

'Don't Stop Me Now'




http://www.youtube.com/watch?v=HgzGwKwLmgM&feature=player_embedded

Cavando Mais Até Ao Fundo

Minha Música

http://www.youtube.com/watch?v=SPUJIbXN0WY&feature=player_embedded

Mullaghmore Head 05/10/2010 from Peter Martin on Vimeo.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Parlamento Global

http://www.parlamentoglobal.pt/parlamentoglobal

É PROIBIDO - PABLO NERUDA

Este poema me trae cientos de recuerdos buenos y malos de una epoca de mi vida que ya pasó, sin mas:

QUEDA PROHIBIDO !

Queda prohibido llorar sin aprender,
...
levantarte un día sin saber que hacer,

tener miedo a tus recuerdos.

Queda prohibido no sonreír a los problemas,

no luchar por lo que quieres,

abandonarlo todo por miedo,

no convertir en realidad tus sueños.

Queda prohibido no demostrar tu amor,

hacer que alguien pague tus deudas y el mal humor.

Queda prohibido dejar a tus amigos,

no intentar comprender lo que vivieron juntos,

llamarles solo cuando los necesitas.

Queda prohibido no ser tú ante la gente,

fingir ante las personas que no te importan,

hacerte el gracioso con tal de que te recuerden,

olvidar a toda la gente que te quiere.

Queda prohibido no hacer las cosas por ti mismo,

tener miedo a la vida y a sus compromisos,

no vivir cada día como si fuera un ultimo suspiro.

Queda prohibido echar a alguien de menos sin

alegrarte, olvidar sus ojos, su risa,

todo porque sus caminos han dejado de abrazarse,

olvidar su pasado y pagarlo con su presente.

Queda prohibido no intentar comprender a las personas,

pensar que sus vidas valen mas que la tuya,

no saber que cada uno tiene su camino y su dicha.

Queda prohibido no crear tu historia,

no tener un momento para la gente que te necesita,

no comprender que lo que la vida te da, también te lo quita.

Queda prohibido no buscar tu felicidad,

no vivir tu vida con una actitud positiva,

no pensar en que podemos ser mejores,


Esse poema me traz centenas de memórias boas e ruins de uma era na minha vida que passou, nada mais:

PROIBIDO!

Lamente é proibida sem aprender,
...
acordar um dia sem saber o que fazer,

ter medo de suas lembranças.

É proibido não sorrir para os problemas,

não lutar pelo que quer,

abandonar todo o medo,

não para realizar seus sonhos.

É proibido não demonstrar seu amor,

fazer com que alguém pague suas dívidas e mau humor.

É proibido deixar os seus amigos,

Não tente entender o que eles viveram juntos,

chamá-los somente quando você precisa deles.

É proibida a menos que perante o povo,

fingindo para pessoas que você não se importa,

fazer o engraçado apenas para lembrá-lo,

esquecer todas as pessoas que te amam.

É proibido não fazer as coisas por si mesmo,

ter medo da vida e seus compromissos

não viver cada dia como se fosse um último suspiro.

É proibido levar alguém sem

torcendo, para esquecer seus olhos, seu riso,

só porque seus caminhos deixaram de abraços,

esquecer seu passado e seu salário atual.

É proibido não tentar compreender as pessoas

pensam que suas vidas valem mais que a sua,

não sabendo que cada um tem seu caminho e sua felicidade.

É proibido não criar sua história

não tenho tempo para pessoas que precisam de você,

Não entendo o que a vida lhe dá, ela leva embora.

É proibido não encontrar sua felicidade

Não viver sua vida com uma atitude positiva

não acho que podemos ser melhores

Imagens em directo da Mina San José

http://www.ustream.tv/cbsnews




http://static.publico.clix.pt/homepage/resgatemineiroschile/

MUSEU DE GEOLOGIA

http://www.museugeologia.utad.pt/

domingo, 10 de outubro de 2010

Pintura

http://www.galeriadesucesso.com/


BIOGRAFIA
Adelaide Moça
Nascida a 22 Fevereiro.
Nacionalidade Portuguesa, Matosinhos é a sua cidade de nascimento são os lugares da infância e da adolescência.
Porto é das referências mais significantes e continuadas da vida.


Assina os suas primeiras obras a óleo em 1994. Tendência natural para a pintura. Completamente apaixonada pela cidade invicta, pinta-a. Pinta principalmente: as suas ruas, casas, ruelas, edifícios, pontes, igrejas, monumentos históricos, Ribeira, Foz, Rio Douro e seus veleiros que navegam de um lado para o outro, …
A maioria das suas obras são da cidade do Porto.

Sociedade Civil - Magazines RTP 2 - Multimédia RTP

Sociedade Civil - Magazines RTP 2 - Multimédia RTP


Recursos Hídricos

Boas Notícias
Participação de Nuno Markl.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Rua sob

http://www.ruadebaixo.com/



"A Geraldine é um espaço dedicado ao mobiliário de design retro, característico dos anos 1950-60-70, e à roupa e aos adereços dessa época, disponíveis tanto para venda como para aluguer. A Geraldine juntou todos estes objectos e recriou ambientes intimistas que se oferecem à imaginação do visitante."


http://geraldine-lisboa.com/?author=1


Quem é Geraldine?

http://www.ruadebaixo.com/geraldine.html

Mais Pensamento e menos Retórica

retórica (è)
(latim rhetorica, -ae, do grego rhetoriké)

s. f.1. Arte de bem falar.
2. Conjunto de regras relativas à eloquência.
3. Livro que contém essas regras.
4. Estilo empolado e guindado (chama-se também: flores de retórica).
5. Infrm. Mulher que tem pretensões a bem-falante e sentenciosa.
figura de retórica: artifício de linguagem que modifica a expressão do pensamento, para a tornar mais viva, mais enérgica ou mais compreensível.

retórico (è)
(latim rhetoricus, -a, -um, do grego rhetorikós, -é, -ón)
adj.adj.
1. Da retórica ou relativo a ela.
adj. s. m.adj. s. m.
2. Que fala ou escreve segundo os preceitos da retórica.
3. Que fala muito e bem, mas superficialmente.

http://trytothinknotrant.blogspot.com/

http://4.bp.blogspot.com/_U1SAQZOOp20/TJu-yTkxqvI/AAAAAAAAADM/EgOC5W5OQTI/s1600/student_sleeping.gif


If there's more than one way to create a student schedule, and one of those ways makes little sense, someone's bound to come along and try it.
-Variation of Murphy's Law


"A man goes to knowledge as he goes to war, wide awake, with fear, with respect, and with absolute assurance."
-Carlos Castaneda
The Teachings Of Don Juan

http://1.bp.blogspot.com/_U1SAQZOOp20/S26T-p--D5I/AAAAAAAAAAc/6uRGgPJ8ykQ/S220-h/glass_collage.jpg>

http://trytothinknotrant.blogspot.com/

Nobel da Física 2010



http://periodicvideos.blogspot.com/2010/09/god-and-large-hadron-collider.html



We discuss Andre Geim and Konstantin Novoselov's winning of the 2010 Nobel Prize in physics from work on graphene. More physics at


"Nuno Peres fez a aposta na sexta-feira e ontem acabou por ganhar um jantar ao colega do departamento de Física da Universidade do Minho. Tinha a certeza que a distinção dos jovens pais do grafeno, para aquilo que é a tradição do Comité Nobel, estava para breve. Andre Geim, 51 anos, e Konstantin Novoselov, 36, dois físicos soviéticos sedeados na Universidade de Manchester, foram distinguidos com o Nobel da Física 2010 pela descoberta deste material há séculos à distância da simples curiosidade científica, mas que só foi descodificado em 2004.

Parece uma coisa primária, tendo em conta que a grafite, a forma bruta deste material, existe em qualquer lápis. Antes dos trabalhos pioneiros destes dois cientistas, publicados em Outubro de 2004, não se sabia que o grafeno podia ser reduzido a uma camada com a espessura de um átomo, que hoje permite a gigantes como a Samsung pensar em novos ecrãs tácteis para telemóveis e computadores, bem como muitas aplicações na biomedicina ou no controlo de atmosferas perigosas.

A física portuguesa entra na equação pela mão de Nuno Peres, 42 anos, investigador da Universidade do Minho. O físico conta ao i que em 2004, quando saiu a descoberta assinada por Geim e Novoselov, estava a gozar uma licença sabática em Boston. "Percebemos que ia ser uma área importante no futuro, o que nos deu um grande avanço." Sendo da ala teórica da física, regressou ao Minho, onde começou a trabalhar em projecções teóricas sobre a transparência deste material, um condutor eléctrico flexível cobiçado hoje por sectores como a informática: o transístor mais rápido do mundo foi desenvolvido com grafeno pela IBM em Nova Iorque, mas as suas propriedades são também apelativas para a indústria fotovoltaica ou para sistemas de segurança nos aeroportos, onde a utilização deste material permite dispensar dispositivos com radiações de energia elevada. Quando Geim precisou de físicos teóricos para analisar os dados recolhidos nas suas experiências com camadas de grafeno, que começaram com um passo tão elementar como esfoliar a ponta de um lápis de carvão com uma folha adesiva, veio bater à porta da Universidade do Minho. "Havia outros disponíveis, mas nós já tínhamos experiência", resume Nuno Peres.

Da colaboração com Manchester saíram artigos publicados na "Science" nos últimos três anos, o último, um dos mais citados, em 2009. "É muito gratificante ter investigação com os laureados", diz Nuno Peres, que ontem não conseguiu falar com Geim. "Quando se ganha um Nobel o número de amigos multiplica-se por dez. Ele deve ter-se refugiado em algum lado."
via
http://www.ionline.pt/

Olhares

Agora basta ir à página www.issuu.com e fazer upload das páginas da tua publicação. A página possui um software que faz automaticamente a animação em flash das diferentes páginas da tua publicação.


http://www.issuu.com/




"É nos olhares que nos encontramos, é nos olhos que nos vemos, é a visão o suporte para isso tudo, não a máquina fotográfica."

http://mygraphworld.blogspot.com/



http://2.bp.blogspot.com/_zOTMbocA76Y/TGmsAdzVxbI/AAAAAAAABeM/NNQyPqKEwdg/s1600/DSC03161.JPG




http://3.bp.blogspot.com/_zOTMbocA76Y/TGmrzUSyPHI/AAAAAAAABd8/chitSwwFJxI/s1600/DSC03133.JPG >

http://1.bp.blogspot.com/_qv0EfFEhwYA/SkiTmR9tirI/AAAAAAAAARk/4sdijBiAt3M/s1600-h/charge_lula_porta_crise.jpg



sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Botões cvc

Botões cvc

O Tomate

Posted using Mobypicture.com

Agosto é um mês desrespeitado. Neste primeiro terço, o mar tem sido como uma segunda pele, líquida, que nos arrefece e sustém. Só ontem comemos as primeiras sardinhas que sabiam a sardinhas e não a outros peixes inferiores e magricelas, como arenques e anchovas fumadas. O tomate, depois de meses de angústia, desfaz-se em sabor de tomate, como fruta sumarenta, cujo sumo, casado com azeite e vinagre, é melhor do que o melhor dos gaspachos. Ou, com a soma sábia de fracções de pepino, equidistante da delícia do mais fino arja-molho algarvio ou do mais austero gaspacho norte-alentejano. No domingo, comprámos e comemos, pela primeira vez, capuchos frescos – fisálias –, que são uns berlindes meio-tangerina e meio-cheiro-de-vinho-de-taberna, centrados num envólucro de geometria fractal. Conhecíamos o doce feito nos Açores – o melhor é o da magnífica Corretora, que conserva também os melhores atuns –, mas foi interessante verificar que o fruto fresco, sendo apetitoso, não é tão bom como o doce. Ou talvez seja. Mas naquela margem de dúvida que também afecta a diferença entre o tomate e a ginja e os doces de tomate e de ginja (ou a ginjinha): discutível e antinatural, favorecendo mais a intervenção humana do que a invenção divina. Para não falar nos pêssegos-rosa de Colares que estão a dois ou três dias de atingir a perfeição. Ou das primeiras uvas de Santarém e de Setúbal, que já espantam de acidez e de polpa. Desfruta-se bem, Agosto.

NOSTALGIA




http://www.youtube.com/watch?v=xW_iI6Re1fc&a=GxdCwVVULXcMDM5MiTKpExoDjUICJRTT&list=ML&playnext=1


http://espelhosentido.blogspot.com/


http://blog-do-otario.blogspot.com/

GRAMÁTICA DA LÍNGUA PORTUGUESA

http://4ot6.sl.pt/


http://www.flip.pt/tabid/597/Default.aspx

CURIOSIDADES

http://coisautil.com/


http://informeishion.com/


http://www.flip.pt/tabid/597/Default.aspx


http://www.siteoficial.net/

"Quando eu era chavalo, a minha mãe mandava-me à mercearia com apenas cinco escudos. E eu voltava com três quilos de batata, um pão de Mafra, dois litros de leite, um pacote de chá, fruta variada e uma dúzia de ovos. Hoje em dia já não consigo fazer isso... Encheram a mercearia de câmaras de video-vigilância!"
via
http://www.caoepulgas.blogspot.com/